>>

PREENCHA
O EMAIL
DA SUA AMIGA,
CONHECIDA, FAMILIAR,
VIZINHA.
ESTA ACÇÃO
PODE SALVAR
VIDAS.

OBRIGADO.


enviar
link
Envie este endereço a quem precisa.
ENVIAR A UMA AMIGA
ok
PT</>EN
PROCURA:

03.
Campanhas

http://www.amcv.org.pt//frontend/contents/IRS.png

imagens> /

A violência contra as Mulheres e suas Crianças é reconhecida como um problema significativo a nível Europeu.


Entre 2016 e 2017, a Rede Europeia WAVE e as suas representantes nacionais irão implementar uma campanha que tem como principal objetivo promover o direito das mulheres e das crianças a viverem uma vida livre de violência doméstica e sexual.


Objetivos da Campanha

Embora documentos e discursos sejam muito valiosos para a consciencialização do problema, as palavras não são suficientes para salvar a vida, a saúde e a liberdade das mulheres vítimas de violência e das suas crianças.

Para garantir uma vida sem violência é necessário passarmos à AÇÃO!

Precisamos de intensificar os nossos esforços na Europa para parar a violência contra as mulheres e para apoiar e proteger as sobreviventes.

A violência com base no género necessita de ser colocada na agenda política a nível Europeu. A disponibilização de serviços de apoio especializados, a sua qualidade e financiamento, por parte de organizações não-governamentais de suporte às vítimas, requerem melhorias e apoio financeiro adequado. 


Para mais informação por favor consulte:

- Flyer da campanha;

- Press Release;

- Vídeo Campanha;

- página da WAVE

imagens> /

A primeira agressão é tão difícil esquecer o primeiro beijo

Envie um SMS para 61966 ou ligue 760 20 70 40 (€0,60+IVA). O seu donativo apoia a defesa dos direitos das mulheres



No dia 22 de Agosto de 2013, foi lançada esta campanha assinalando o 20º aniversário da AMCV. Esta campanha, da autoria criativa da Partners e produção da Garage, visa sensibilizar para a violência contra as mulheres, bem como recolher donativos para apoiar a defesa dos direitos das mulheres.

Adicionalmente, o Sport Lisboa e Benfica associou-se a esta campanha, para a realização de uma acção de consciencialização que envolverá os milhares de adeptos/as presentes, dando assim maior força ao combate à violência contra as mulheres. 
Assim, no passado dia 25 de Agosto, durante o jogo Benfica x Gil Vicente, realizou-se uma acção de dinamização nas bancadas, fazendo ligação com a campanha. Esta acção juntou 300 casais que apoiaram esta causa, os quais simbolicamente beijaram-se contra a violência contra as mulheres.

No âmbito desta campanha, estarão disponíveis um SMS e um número de telefone para os quais todos/as os/as portugueses/as podem enviar mensagem ou ligar e, dessa forma, contribuir com um donativo num gesto nobre de envolvimento numa das causas mais originadoras de vítimas mortais em Portugal.


Número de SMS: 61966 (0,60+IVA)


Número de telefone:

760207040 (valor da chamada 0,60+IVA)




Documentos/Materiais:

- Comunicado de Imprensa;

- Poster;

- Vídeo.


imagens> /

A AMCV foi uma das associações eleitas para ser apoiada pelos clientes tmn, no âmbito do Ponto t.

Agora os clientes tmn podem ajudar com os pontos que acumulam na sua conta tmn. Troquem os pontos por um donativo:

200 pontos =  5 € / sorrisos

450 pontos = 12 € / sorrisos

750 pontos = 20 € / sorrisos

Esta campanha está à distância de um clique: Participem!

http://www.tmn.pt/portal/site/pontos/menuitem.d8db1fbdb176ac7b771bd710751056a0/?vgnextoid=5f5aabf2c39ed310VgnVCM1000005401650aRCRD



imagens> /
Say No to Violence against Women é um apelo global de acção, lançado em Novembro de 2009, pelo fim da violência contra mulheres e raparigas, e é apresentado pela UNIFEM através da mobilização social.



A campanha Say No to Violence visa estimular e destacar acções realizadas por indivíduos, governos e parceiros da sociedade civil. Bem como alunos das escolas, voluntariado em abrigos locais, para defender legislação ou a doação de fundos para programas que possam contribuir para combater a violência contra as mulheres e raparigas.



Esta campanha baseia-se no dinamismo criado durante a sua primeira fase, quando 5.066.549 pessoas assinaram um apelo mundial para pôr fim à violência contra as mulheres, tendo passado a ser mundial.


http://www.saynotoviolence.org/
imagens> /