>>

PREENCHA
O EMAIL
DA SUA AMIGA,
CONHECIDA, FAMILIAR,
VIZINHA.
ESTA ACÇÃO
PODE SALVAR
VIDAS.

OBRIGADO.


enviar
link
Envie este endereço a quem precisa.
ENVIAR A UMA AMIGA
ok
PT</>EN
PROCURA:

Novos Desafios no Combate à Violência Sexual

Enquadramento

Este Projecto enquadra-se no Programa Cidadania Activa, um instrumento de apoio às Organizações Não Governamentais, co-financiado pelo Mecanismo Financeiro do Espaço Económico Europeu (EEA Grants). A sua gestão está a cargo da Fundação Calouste Gulbenkian.


Ponto de partida e alguns dados

Segundo a OMS (2013), 35% das mulheres em todo o mundo sofreu violência sexual. A maior parte desta violência é exercida no contexto das relações de intimidade.

Em Portugal, em 2012, foram feitas 375 queixas de crime de violação, representando 20% dos crimes sexuais (RASI). A maioria das vítimas é do sexo feminino, com idades compreendidas entre os 21-30 anos e a totalidade dos agressores é do sexo masculino.

É emergente e prioritário desenvolver políticas de combate à violência sexual, tanto ao nível da prevenção como da intervenção, bem como promover respostas adequadas de apoio às vítimas/sobreviventes de violência sexual, na sua maioria do sexo feminino.


Área-chave do Projecto

Violência de Género


Objectivo Geral

Contribuir para a construção de referenciais de intervenção para entidades e profissionais na área da violência sexual.


Objectivos Específicos

☉ Delinear procedimentos standard de qualidade nos diferentes domínios de acção (social, saúde e justiça) a fim de melhorar a intervenção junto de sobreviventes de violência sexual;

☉ Habilitar profissionais com (in)formação e ferramentas especializadas;

☉ Harmonizar procedimentos, utilizando referenciais de boas práticas nacionais e internacionais, que promovam o Empowerment e Recovery das mulheres e jovens sobreviventes e que garantam a defesa dos seus Direitos Humanos.



Acções 

☉ Rede Articulada Especializada, tendo em vista a implementação de um modelo de intervenção integrado, coerente e abrangente, a fim de responder às necessidades das sobreviventes de violência sexual, optimizando e articulando recursos, assim como influenciando políticas públicas;

☉ Gabinete Técnico Especializado destinado a sobreviventes de violência sexual;

☉ Petição on-line tendo em vista a mudança de políticas públicas na área da violência sexual;

☉ Grupo de Ajuda Mútua e Grupo de Auto-representação para sobreviventes;

☉ Booklet informativo na área da violência sexual;

☉ Seminário Final sobre boas práticas de intervenção nesta área.


Beneficiárias/os 

Mulheres e jovens sobreviventes de violência sexual, respectivas famílias e outras redes naturais de suporte;

Profissionais e organizações, públicas ou privadas, que intervêm, directa ou indirectamente, no apoio a sobreviventes de violência sexual.


Parceiros/as

Direcção-Geral da Saúde

Instituto Nacional de Medicina Legal e Ciências Forenses, I.P.

PpDM – Plataforma Portuguesa para os Direitos das Mulheres


Duração

Fevereiro 2014 – Janeiro 2016


Produtos

Guia de Bolso sobre Violência Sexual - para Profissionais (https://drive.google.com/open?id=0B_z4JkcU20S9a3AzSEhzT0dpUDA)

Guia de Bolso sobre Violência Sexual - para Sobreviventes/Vítimas (https://drive.google.com/open?id=0B_z4JkcU20S9ZFJCMWtMTzdhS28)

Brochura sobre Violência Sexual (https://drive.google.com/open?id=0B_z4JkcU20S9X2NnWlU3UlI1Y28)


Contactos

Margarida Medina Martins

Maria Shearman de Macedo

Rita Mira

Tel.: 21 380 21 60

Fax: 21 380 21 68

E-mail: sede@amcv.org.pt




COLABORE CONNOSCO
Pessoas ou Empresas.
INSCREVA-SE NA NOSSA NEWSLETTER:
ok
ENVIAR
A UMA MULHER
Envie este endereço a quem precisa.
ENVIAR A UMA AMIGA
ok
All Rights Reserved © Copyright . AMCV 2020